O que é a Reforma Tributaria e como ela pode te afetar?

Quem tem acompanhado as últimas medidas políticas ara recuperar a economia do país, já deve ter ouvido falar na Reforma Tributária. O que muita gente não sabe é como esse setor influencia diretamente na vida do trabalhador. Você sabe do que se trata essa reforma e como ela pode afetar a sua vida? Então leia o texto a seguir e entenda:

Antes de compreender a Reforma Tributária e entender as consequências para a sua vida é importante entender o que é um valor tributável. Os tributos estão relacionados a impostos obrigatórios que visam recolher proporcionalmente os investimentos, e recebimentos do contribuinte assim como taxar por serviços e compras.

Um exemplo desse setor é o Imposto de Renda, uma contribuição obrigatória para os brasileiros que possuem rendimento acima do previsto pela Receita Federal. Nesse caso, é preciso cumprir com o pagamento da taxa, que pode ser gerada através do simulador IRPF 2020.

O Imposto de Renda se divide em Imposto para Pessoa Física, direcionado aos contribuintes regulares e Imposto para Pessoa Jurídica, direcionado às empresas. Ambos precisam ser cumpridos dentro do prazo e da forma prevista pelo órgão responsável.

O que é a Reforma Tributária?

Para quem vai cumprir com o IRPF 2020é muito importante estar atento às mudanças causadas pela reforma. Afinal, elas estarão influenciando diretamente na vida do contribuinte. A Reforma Tributária visa facilitar alguns processos de cobrança que acontecem anualmente por parte do Governo.

O recolhimento do IR é fundamental para a porcentagem de impostos arrecadados e as medidas visam ampliar as possibilidades desse valor.

As propostas colocadas tinham como principal meta unificar três dos impostos cobrados para tributos que iam além do próprio Imposto de Renda. A ideia seria unificar alguns impostos, tornando-os uma cobrança única e garantindo a arrecadação total através do preço final único a ser pago pelo consumidor.

Assim, os processos seriam simplificados e o Governo teria mais facilidade ao arrecadar esse total tão importante para a economia atual. Há quem defenda que esse novo modelo poderá estar beneficiando os contribuintes, já que os mesmo só terão de contribuir para os valores unificados uma vez.

Ainda existem outras propostas que foram colocadas em pauta e estão passando por votação no Congresso, afinal, é preciso que a maioria concorde com todos os parâmetros da Reforma para que a mesma aconteça. O trabalhador deve estar atento a divulgação de novas informações para não perder nenhum detalhe da mudança!